.

Reflexão | Aprendendo com a perda

Reflexão | Aprendendo com a perda

3 de setembro de 2013. Lembro cada detalhe daquele dia chuvoso, tive um sono no mínimo perturbador e quando acordei, recebi a notícia que minha irmã havia nos deixado. Parecia que eu ainda não havia acordado do pesadelo.

Foram dias e dias tentando assimilar que eu havia perdido alguém do meu próprio sangue. Da família direta. Achei que isso fosse demorar anos para acontecer, e que fosse primeiro com as pessoas mais velhas da família. Em um estalar de dedos percebi que a vida não tem roteiro. O destino muda as peças sem pedir permissão…

perda

Sofri muito durante esse 1 ano. Hoje, só consigo pedir muita luz para que ela, de algum lugar, consiga encontrar a paz eterna que um dia todos nós vamos precisar. Não queria falar desse assunto aqui no blog para não passar um tom de tristeza e acinzentar o dia de vocês, mas também não poderia deixar passar em branco. Descobri também que ela tinha um grande amor secreto, um apaixonado que não teve coragem o suficiente para se declarar. E que agora sofre com seu próprio arrependimento. Imaginei que dividindo isso com mais pessoas, pudesse passar a lição de que devemos ter mais coragem. De aprender o que a gente sempre vontade, de usar as roupas bonitas e os perfumes mais caros, de dizer eu te amo. Sempre há tempo para isso, nunca é tarde demais.

O que mais aprendi nesse 1 ano foi a ter gratidão. Isso pode ser assunto para outro post, mas aprendi a agradecer apenas por acordar viva e saudável em mais um dia.

É difícil demais me concentrar para escrever em um dia assim, desde que tudo aconteceu, deixei o blog de lado por muitos meses pois perdi a inspiração que sempre tive para escrever. Perdi muitas leitoras, deixei de fazer inúmeros posts, mas em troca, ganhei aprendizado. Tudo na vida tem seu lado positivo! Perfeito seria se a gente sempre tivesse auto controle e pensasse nisso, não acham?

É isso, people! Só queria dividir essa reflexão com vocês e propor que sempre acreditem, um dia novo está para nascer da maneira mais linda e confortando nosso coração. Hoje mesmo, um ano depois, está ensolarado e pronto para receber a primavera.

Beijo no coração de vocês!! S2

8 thoughts on “Reflexão | Aprendendo com a perda

  1. Fernanda Rocha

    Fê… eu adoro seu blog e erro em não comentar mais. Eu nesse ano aprendi isso..de amar mais, de ter mais coragem, de viver mais ao lado de quem amamos, de nossa família. Aprendi não pela perda definitiva de alguém (com certeza sua dor é maior) mas aprendi pela perda de um amor..de uma pessoa que me tratava como uma princesa e do nada… pluft.. não quis mais. Isso faz um mês e meio, ainda choro todos os dias…ainda o amo. Claro que minha dor nem se compara a sua, mas ambas são perdas, ambas nos trouxeram aprendizado. Eu to na fase de logo voltar com o blog, de ter coragem para postar… de tentar seguir.. perdas são perdas…sentimento são sentimentos… Mas o que eu aprendi é não ter medo de se jogar.. é não ter medo de viver, é fazer de tudo para tratar nossa família com amor e carinho, é sempre achar um espaço na agenda para amar as pessoas.. é viver mais o real, curtir mais a natureza… o tempo voa e não sabemos o dia de amanhã. Tenha certeza que sua irmã cuida de você de onde estiver… orar por ela todas as noites manterá vocês conectadas e ajudará a aliviar a dor. Independente de religião…oração sempre faz bem, alivia o coração. Fica com Deus Fê. E prometo, vou parar de só ler as postagens e comentar mais, hehehe.

    1. Fezoka Post author

      Oi, Fe!
      Você é minha leitora há muito tempo, me sinto sua amiga.

      Espero muito que vc volte aqui para ler a resposta, talvez possa te ajudar.

      Eu também já passei por isso, senti que havia aberto um buraco no chão e que eu caí assim, sem mais nem menos. Sofri tanto, mas posso dizer que foi um grande aprendizado. A gente tem que estar preparado para as coisas da vida, essa foi a maior lição que tirei. Tudo pode acontecer no emprego, no namoro, na família. E geralmente é quando a gente menos espera, a vida é assim! Temos que ser fortes. Posso imaginar o tamanho da sua dor, mas só você sabe o quão difícil está sendo.
      O que me ajudou, na época, foi fazer coisas que eu deixei de lado durante o namoro. Fiz muitos amigos, fui ao cinema só com meninas, curti minha família, me dediquei mais ao trabalho… Até prometi pra mim mesma que não iria mais namorar!! Aí surgiu o grande amor da minha vida e percebi que aquele namoro não era nada, o que sinto hoje é infinitamente maior. Talvez vc ainda não tenha encontrado a pessoa certa pra vc, mas tenha certeza, o destino reserva algo bem legal pra gente, e é por isso que ele tem que tirar algumas coisas de nós: para nos dar algo melhor.

      Ai, eu fiz tanta coisa legal, Fe… Fui bastante pra academia, enfim. Ache algo que vc gosta e certamente, os momentos de prazer vão mandar a dor embora mais rápido.

      Aproveita pra cuidar de ti! E escreva no blog pois é uma terapia.

      Beijo enorme e estou aqui torcendo por vc ♥

      1. Fernanda Rocha

        Oi, Fer!
        C/certeza voltei para ler a resposta… a gente cria uma proximidade tão grande com esses blogs né? É gostoso isso. >> senti que havia aberto um buraco no chão e que eu caí assim, sem mais nem menos. <> Até prometi pra mim mesma que não iria mais namorar!! << Ixiii isso ai prometi também, hahahaha. Deus te ouça…que eu encontre um amor que mereça meu amor e eu possa ser feliz. Ninguém quer ficar sozinho né? Hehehehe. Obrigada pelas palavras, é tão bommm receber essa energia boa… Pode deixar, farei vídeos no fim de semana e escreverei no blog sim. Há! Tu é programadora né? Eu sou formada em Sistemas de Informação, somos da mesma área. :) Bjuuu no coração. Fica com os anjos.

  2. Amanda Soares

    Fe que Post Lindo , com certeza vou guardado para sempre ler e sempre me lembrar de agradecer e de dizer EU TE AMO para as pessoas que nos amamos enquando elas ainda estão do nosso lado. Quando aconteceu isso com voce , todas nos leitoras ,sentimos muito a sua falta , e queria te dizer que nada nessa vida é por acaso , te desejo muita forca , muita Fé , que deus te ilumine , que ele ilumine seus pensamentos para que voce possa entender os planos dele ,e não sofrer =D

    Beijinhoss **

  3. Mayara

    Essas são coisas da vida, hj meu tio faria 35 anos, perdemos ele no dia 3de março de 2002, a pessoa mais alegre que eu ja conheci, sinto muitas saudades dele, mas procuro lembrar sempre com alegria os momentos bons. Desejo a você muita luz e sabedoria, daqui a 10 anos vc ainda ira lembrar dela, mas que seja com alegria! Beijos

    1. Fezoka Post author

      Meus sentimentos, May. Acredito que todos tem uma missão aqui na Terra, e pelo que vc diz, seu tio deveria ter o dom de fazer os outros felizes.
      Sempre penso nela com alegria! Com o tempo a gente vai lembrando só dos momentos bons…
      Beijo enorme, obrigada pelo carinho e muita luz pra vc tb!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>